O universo é uma catedral

 

ÍNDICE

 

 

Ao leitor

Primeiro horizonte. 2

No mar, unidade e variedade. 2

No sol, guerra e vitória. 3

O símbolo. 3

A lua essa consoladora. 3

O pavão, ou o encanto do supérfluo. 4

As fantasmagorias da noite. 4

Da perfeição da humildade à da magnificência. 5

A garça e seu pequeno mundo. 6

O gato é um “bibelot” que se move. 7

O maravilhoso é para todos. 7

 

Segundo horizonte. 7

Fazendo o turismo do sossego. 8

Duas cidades espelham duas eras. 8

Considerações sobre um chopp sem “colarinho”. 9

O inimaginável, esse velho conhecido. 10

Belo e Sublime, Sagrado e Sacral 11

 

Terceiro horizonte. 12

Não Somos átomos isolados rolando pelo espaço. 12

A reforma social mais urgente. 12

Mas, o que é a família, na força do termo?. 12

A família nuclear e suas insuficiências. 13

Pais que são moldes para os filhos. 14

Nobreza... popular! 14

Tradição, família e propriedade. 15

Os empregados e os familiares. 15

O bairro, primeira ampliação da família. 15

Cidades, Regiões e família. 16

A família é vilipendiada. 16

O respeito faz o encanto da vida. 17

Super-inferior, uma participação de vida. 17

A Igreja não é um “Labour Party”. 18

O orgulho leva ao igualitarismo e o igualitarismo ao ateísmo. 18

O líder obedece mais que o liderado. 19

A arte de governar 19

O papel das elites é impulsionar para as alturas. 19

Surge a massa. 20

Sem tradição não há caminho nem rumo. 21

 

Quarto horizonte. 21

Harmoniosas diversidades. 22

Os países vão formar novas constelações. 22

Tesouros do Oriente. 23

O alicerce está em cima... 23

Sociedade ideal versus miserabilismo e sociedade de consumo. 24

O Reino de Maria será a civilização da admiração. 24

É preciso sacralizar a ordem temporal 25

O Reino de Maria é o amor de Deus que volta com passo de rei. 25

 

Quinto horizonte. 26

Figuras numa transesfera. 26

Conjuntos na transesfera. 27

Mais para o alto... 27

O universo angélico, do qual o universo humano é um reflexo. 28

Uma ordem inexistente, degrau entre Deus e os anjos. 28

Subir sempre. 29

 

Sexto horizonte. 29

Duas vias: utilizando as criaturas ou as desprezando. 30

Seguir a graça pelos montes e pelos desertos. 30

A Sagrada Eucaristia. 31

Nossa Senhora é a flor e a pérola da criação. 31

Nossa Senhora e os símbolos. 32

Nosso sósia que ainda não conhecemos. 32

A Igreja é o espelho de Deus. 32

Nossos tronos nos esperam no Céu. 33

 

Sétimo horizonte. 33

Panoramas de conjunto. 33

Secção primeira -  estética do universo. 33

Leis da Variedade. 34

Primeira: Lei do típico, do característico. 34

Segunda: Lei do contraste. 35

Terceira: Lei da gradação. 35

Quarta: Lei do movimento. 35

Leis da unidade. 36

Primeira: Lei da continuidade e da coesão. 36

Segunda: Lei da transição harmônica. 36

Terceira: Lei da proporção. 36

Quarta: Lei da simetria. 37

Quinta: Lei da monarquia. 37

Sexta: Lei da sociedade. 38

Secção segunda. 38

O Belo, o Bom e o Verdadeiro – A procura do Absoluto. 38

A águia e o cordeiro. 38

O Belo abre caminho para o Bem e a Verdade. 39

Secção terceira - A inocência. 40

Algo... uma luz. 40

Mantendo a harmonia dentro de si 41

Remédios para o nervosismo. 41

Ouvindo bater o coração de Dona Lucilia. 42

Para o alto! 42

Rumo às culminâncias. 43

Existir é uma glória. 43

Eu existo! 43

Existe a harmonia, existe a perfeição! 44

Um borbotão de certezas. 44

E a serpente entra no “paraíso”. 45

A criança e a bola. 45

As delícias da inocência. 45

Epílogo. 46