Montfort, São Luís Maria Grignion de * (coletânea de documentos)

blank

Estátua de São Luís Maria Grignion de Montfort (1673-1716) que se encontra na Basílica de São Pedro, no Vaticano

* Objeção do Promotor da Fé (“advogado do diabo”) à profecia feita por São Luís Maria Grignion de Montfort em seu “Tratado sobre a Verdadeira Devoção” – A resposta clara e sucinta que lhe foi dada.

1939-11-26 – De Grignion de Monfort

1939-12-10 – Grignion de Monfort (II)

1939-12-17 – Pro Maria Fiant Maxima

1939-02-18 – Um livro indispensável

1945-05-13 – REGINA PACIS

1945-07-15 – Consagração a Nossa Senhora – seu significado, sua doçura e sua gravidade / Consagração da Arquidiocese de São Paulo ao Coração Sapiencial e Imaculado de Maria – Juramento do povo paulista à Senhora Aparecida: proclamação de Fé e repúdio ao comunismo

1945-10-21 – GRIGNION DE MONTFORT. A “bomba atômica” da Providência e que tem um nome muito doce: “O Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem”.

1951 – ÍNDICE aos Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora

1951 – I – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Introdução

1951 – II – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Capítulo I – Necessidade da devoção à Santissima Virgem / Artigo I – Primeiro princípio: Deus quis servir-se de Maria na Encarnação

1951 – III – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora: Cap. I, Art. I – Segundo princípio: Deus quer servir-se de Maria na santificação das almas

1951 – IV – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora: Cap. I, Art. II – Consequências: 1a. Maria é a rainha dos corações; 2a. Maria é necessária aos homens para chegarem ao seu último fim

1951 – V – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Cap. II – Verdades fundamentais da devoção à Santíssima Virgem

1951 – VI – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Cap. II (continuação): A Mediação Universal de Nossa Senhora na obra de São Luís Grignion

1951 – VII – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Capítulo III – Escolha da verdadeira devoção à Santíssima Virgem

1951 – VIII – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Capítulo IV – A perfeita devoção à Santíssima Virgem ou a perfeita consagração a Jesus Cristo

1951 – IX – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Capítulo V – Motivos que nos recomendam esta devoção

1951 – X – Comentários ao “Tratado da verdadeira devoção a Nossa Senhora“: Capítulo VI – Figura bíblica desta perfeita devoção: Rebeca e Jacó

1954-12 – Pio XII e a Era de Maria

1955-05 – Doutor, Profeta e Apóstolo na crise contemporânea

1955-07 – O Reino de Maria, realização do mundo melhor

1955-08 – Exsurge Domine! Quare Obdormis

1958-09 – O sentido contra-revolucionário da obra de dois Santos: S. Luís Maria Grignion de Montfort e Santa Margarida Maria Alacoque

1965-05-31 – Qual o significado de uma verdadeira consagração a Nossa Senhora em nossos dias?

1966-12-09 – Festa da Transladação da Santa Casa de Loreto / “Jesus Cristo deu mais glória a Deus Pai pela sua submissão a Maria durante trinta anos, do que lhe teria dado se convertesse toda a terra operando os maiores prodígios!” Voltemos nossa atenção para esse fato, para compreendermos de um modo mais vívido, mais interno e mais profundo toda a sujeição que devemos a Nossa Senhora.

1970 – DEVOÇÃO MARIANA: fator decisivo no embate entre “Revolução e Contra-Revolução”

1971-10-21 – São Luís Grignion de Montfort: amplitude do auxílio de Nossa Senhora aos que sabem invocá-La

1972-05-26 – Fazer todas as coisas “com Maria, em Maria e por Maria”

1972-06-05 – Fazer todas as ações em Maria: comentários ao tópico 261 do “Tratado”

1972-06-16 – Viver em Maria: comentários aos tópicos 262 e 263 do “Tratado”

1972-10-13 – Os esplendores da Idade Média se originaram da escravidão a Nossa Senhora

1973-07-09 – Liberalidade, doçura e incomensurável bondade de Nossa Senhora

1974-12-29 – Consagração, liberdade suprema

1974-06-29 – Cortesia e o quadro milagroso de Nossa Senhora do Bom Conselho de Genazzano

1980-08-31 – A ti, caro ateu…

1980-08-31 – Обращение к атеистy (em russo)

1980-09-13 – O serviço, uma alegria

1980-09-20 – Obedecer para ser livre

1982-01-09 – Devoção a Nossa Senhora: o que mais me comoveu nEla foi Sua misericórdia

1987-02-24 – Interrogações sobre o “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem” – Início da aurora do Reino de Maria

1989-04-15 – “O livro que mais efeito teve sobre mim na vida”

1992-03-21 – Caminho magnífico, supremo para a devoção a Nosso Senhor Jesus Cristo: Nossa Senhora / Comentários aos itens 61 a 77 do “Tratado da Verdadeira Devoção a Nossa Senhora” de autoria de São Luís Maria Grignion de Montfort

1992-04-04 – “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem” de São Luís Maria Grignion de Montfort: “Quando chegará o dia em que as almas respirarão Maria, como o corpo respira o ar?” (capítulo VII, artigo 5, tópico 217)

1996 – O maior monumento de todos os séculos dedicado à Mãe de Deus: O “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem” de São Luis Maria Grignion de Montfort

1996 – O Reino de Maria na perspectiva montfortiana: “Foi por intermédio da Santíssima Virgem Maria que Jesus Cristo veio ao mundo, e é também por meio dela que Ele deve reinar no mundo”

1996 – Os frutos da consagração a Nossa Senhora: uma nova Idade Média?

Contato