Cartas de elogio de personalidades eclesiásticas relativas a obras do Prof

Artigos em O Legionário,
órgão oficioso da Arquidiocese de São Paulo

ANO DE 1939

1° de janeiro - ENTRE O PASSADO E O FUTURO. No limiar de 1938, quatro eram as grandes posições ideológicas em que se distribuía a humanidade: o catolicismo, o liberalismo, o comunismo e o nazismo. Evidentemente, entre estes quatro pontos cardeais do pensamento contemporâneo, existiam tendências intermediárias e provisórias. Descrição do que ocorreu com tais correntes no ano que se findou e previsões sobre a fusão doutrinária do nazismo com o comunismo - Recente discurso do Santo Padre constitui triste confirmação das apreensões manifestadas pelo "Legionário".

1° de janeiro - Congresso de Estudantes recentemente reunido no Rio de Janeiro: uma bela demonstração de quanto pode um pugilo de moços católicos realmente aguerridos, que repelem decididamente a funestíssima tática de fazer da água de flor de laranjeira o único modo de apostolado - A solidão do homem reto e batizado é apenas aparente. Na realidade, não está só quem está com Deus. Mas quando se retira para a solidão quem está mal com Deus, ela é um lúgubre colóquio com a consciência. O Natal de Kurt von Schuschnigg e o de Hitler - Dissemos repetidas vezes que a grande característica das perseguições do século XX seriam o mesmo furor de Herodes, disfarçado porém pela carícia abjeta do beijo morno e úmido de Judas.

8  de janeiro - AINDA O FASCISMO. Discurso do Papa contra os erros de que é culpado esse regime totalitário. Sua Santidade, para tornar claro seu pensamento, não poupou adjetivos. Depois de declarar que seu coração foi “dolorosamente atingido”, afirmou que foram “desrespeitados os cabelos brancos do Papa” e a conduta do governo italiano para com ele foi “brutal”. Arrostando todos os imensos inconvenientes (por exemplo, uma eventual ocupação do Vaticano), o Papa falou para remediar um mal maior. Que mal? A situação atualmente existente na Itália, com os perigos futuros que ela encerra em seu bojo. O povo italiano é católico, dir-se-á, e este povo católico nunca daria sua adesão a uma situação tão intolerável, criada por Mussolini. E a unanimidade católica da Itália de hoje, será ela porventura mais densa do que a da Itália de 1870? Entretanto, o que aconteceu ao Papado em 1870? Enquanto as ordens de Mussolini feriam brutalmente o Papa, se preparava, também por sua ordem, um enternecedor presépio do Natal! Sorrir ao Menino Jesus, enquanto esbofeteia o Papa! Como se chama isto? Coerência? Lealdade? Ou mera manobra “pour épater les bourgeois”?

8 de janeiro - Comentários ao discurso de Roosevelt no qual afirmou que a Religião, a democracia e a boa fé internacional são os princípios intimamente ligados entre si e indispensáveis para a manutenção da civilização contemporânea - O governo francês agraciou com uma alta distinção honorífica o Cardeal do Rio de Janeiro D. Sebastião Leme - Quando o nazismo subiu ao poder, assenhoreou-se do jornal católico “Germânia” que, entregue às mãos de von Papen, conservava uma vaga coloração católica. Von Papen continuou com suas traições e aquele periódico foi finalmente fechado. Diz o Evangelho que Judas nem os trinta dinheiros conservou...

15 de janeiro - PELA GRANDEZA E LIBERDADE DA AÇÃO CATÓLICA. Continuação dos comentários da alocução de Natal proferida pelo Santo Padre: uma sublime lição a respeito da grandeza da Ação Católica - O caso do fechamento da gloriosa e benemérita Companhia de Jesus por ordem do Papa Clemente XIV.

15 de janeiro - Visita que Chamberlain e Lord Halifax farão ao Santo Padre Pio XI - A Princesa Maria de Savóia, logo depois da cerimônia de seu enlace com o Príncipe Luís de Bourbon e Parma, irá orar sobre o túmulo dos Apóstolos no Vaticano, e depois solicitará pessoalmente a bênção do Santo Padre - Causou tal indignação a hipocrisia do embaixador da Espanha republicana em Washington convidando várias personalidades católicas para visitar seu país, que o Arcebispo de Nova York energicamente declarou que ele não passa de “um mentiroso vulgar e ordinário” quando fala em liberdade religiosa na Espanha republicana.

22 de janeiro - A conversão de São Paulo / Ele usou de uma frase que bem define o que é a vida do defensor da fé, do católico consciente de sua missão sobre a terra: “Bonum certamen certavi – Combati o bom combate”

22 de janeiro - O EXEMPLO DOS RUSSOS BRANCOS. As críticas polidas, se bem que desassombradas, que o “Legionário” tem feito ao fascismo provocaram uma certa reação, manifestada através de algumas reclamações que recebemos. A esse propósito, julgamos conveniente lembrar o belo exemplo de outra colônia estrangeira residente no Brasil: a dos russos brancos.

22 de janeiro - Acha-se no Rio de Janeiro o chefe da Divisão das Relações Culturais dos Estados Unidos que procurará estreitar o intercâmbio intelectual entre o Brasil e aquele país. O momento torna oportuna uma cooperação diplomática entre ambos, contra inimigos externos. Mas essa cooperação se tornaria indesejável se implicasse na desnacionalização do Brasil pela infiltração da cultura “yankee” pagã entre nós - A polícia holandesa fechou as oficinas do jornal “National Dagblad”, órgão do partido nazista holandês, que difamara dois padres de uma aldeia holandesa - Hitler ordenou o inventário de todas as propriedades católicas da Áustria, com o fito de ter um arquivo completo dos bens que mais tarde virá a expropriar.

29 de janeiro - PATRIOTISMO AUTÊNTICO. Descrição da falsa e da verdadeira virtude do patriotismo. Há muita gente que imagina que a única forma de combater uma verdade consiste em negá-la redondamente. Este é apenas o processo dos simplórios. O modo mais subtil e mais perigoso consiste em exagerar a verdade. Com isto, se fornece aos seus adversários pretextos para combatê-la, desacreditando-a no espírito dos que a amam. Foi isto que se deu com o patriotismo. E, por uma compreensível reação, começou ele a ser substituído pela fascinação do internacionalismo esquerdista ou do cosmopolitismo - Todos os povos foram criados por Deus e para Ele - Quando o brasileiro se deixa dominar por um ideal, ele se torna coerente, e intransigente como os que mais o sejam - Por que não acreditamos seriamente, entusiasticamente que na Sagrada Eucaristia todos os defeitos do Brasil poderão ser curados, e que o brasileiro ainda poderá ser um homem à altura das grandezas materiais dentro das quais nasceu?

29 de janeiro - Quando se fala em governo comunista no México, alguns incrédulos acham que há exagero nessa afirmação, levados pela aparência de democracia com que o governo mexicano encobre as suas relações com os sovietes. Aparece agora mais um depoimento insuspeitíssimo, que de uma vez por todas deverá destruir essa incredulidade - O governo nazista exumou os cadáveres de Monsenhor Seipel e Dollfuss. A profanação de cadáveres dos antigos inimigos, nesses últimos tempos, só foram vistos na Rússia soviética e na Alemanha nazista. Mais uma vez se comprova a identidade de métodos do comunismo e do partido de Hitler.

5 de fevereiro - A parábola do joio e do trigo

5 de fevereiro - A TÉCNICA DO SILÊNCIO. Nunca, talvez, em todo o decurso da História, se usou e se abusou tanto do segredo como arma política quanto em nossos dias. E por um estranho paradoxo, entretanto, nenhum século dispôs tanto quanto o nosso dos mais amplos meios de difusão e informação - Descrição dos diversos estilos de Chefes de Estado para silenciar aos seus adversários: o de Roosevelt, de Daladier, de Mussolini, de Hitler, de Chamberlain, de Franco e de Getúlio Vargas.

5 de fevereiro - Volta novamente a ser agitado o problema da obrigatoriedade do exame pré-nupcial, que já foi largamente debatido e definitivamente rejeitado entre nós. Divórcio, lei de celibato, exame pré-nupcial obrigatório, não haverá nisto um plano premeditado para turvar as águas? - Deploramos as felicitações enviadas a Hitler por Mussolini e regente Horthy (da Hungria), em virtude do 6º aniversário da ascensão do nacional-socialismo ao poder - Testemunho insuspeito de Chamberlain após sua visita ao Papa Pio XI

12 de fevereiro - TODO O ORBE CATÓLICO CHORA A MORTE DE UM DOS MAIORES PONTÍFICES DA HISTÓRIA

12 de fevereiro - NO X ANIVERSÁRIO DO TRATADO DE LATRÃO, em virtude do qual o governo fascista, em solene acordo firmado com a Santa Sé, reparou a monstruosa injustiça de que o Papado havia sido vítima em 1870, com o triunfo das tropas garibaldinas sobre as pontifícias.

12 de fevereiro - Quando o nazismo é atacado, desculpam-se os fascistas, distinguindo o fascismo do nazismo, à falta de melhores argumentos. Quando, ao contrário, é o fascismo o atacado, entram logo os nazistas a afirmarem que nazismo e fascismo não são a mesma coisa. O Grande Conselho Fascista, porém, não pensa assim - A Itália concluiu um acordo comercial com a Rússia, e, segundo o “Manchester Guardian”, a Alemanha dispõe-se a dar aos comunistas um crédito industrial de 200 a 300 milhões de marcos em material bélico, enquanto que a Rússia lhe forneceria matérias-primas em troca. Onde está o anticomunismo de Hitler e Mussolini? 

19 de fevereiro - A GLÓRIA DO "NÃO"

19 de fevereiro - Prognósticos sobre o futuro Papa

26 de fevereiro - EM TORNO DO CONCLAVE

26 de fevereiro - Santa Cunegundes (3 de março)

26 de fevereiro - Os Estados Unidos são apontados como o protótipo da democracia, o que não impediu que os nazistas yankees fizessem um comício colossal, ao ponto de obrigar o prefeito da Guardia a movimentar, segundo suas declarações, 1.327 policiais, a fim de manter a ordem. O “Osservatore Romano” noticia o congresso da organização juvenil nazista “Hitlerjugend” de que participarão delegados de todas as partes do mundo, sendo que já lá se encontram 30 bolivianos. Depois desses fatos, não podemos deixar de temer a infiltração nazista no Brasil. Em vez de se fechar os olhos à verdade, seria de maior conveniência procurar combater esse perigo que nos ameaça.

5 de março - A transfiguração de Nosso Senhor nos lembra uma grande e capital máxima do Cristianismo: “Foi necessário que Jesus muito padecesse e assim entrasse em sua glória”. Também para nós, nossa glória se condiciona à participação nos sofrimentos de nosso Divino Mestre.

5 de março - EM TORNO DA ELEIÇÃO PONTIFÍCIA que escolheu o Cardeal 
Pacelli como sucessor de Pio XI 

5 de março - São Tomás de Aquino / O traço característico do caráter desse grande gênio era uma virtude desconhecida hoje de nossos menores intelectuais: a humildade. As suas obras esclarecem até hoje as inteligências afastadas de todo o pedantismo intelectual.

5 de março - Foi notável o senso da realidade que Getúlio Vargas demonstrou quando fez abortar os famosos projetos de lei clara e nitidamente contrários à doutrina católica, recentemente discutidos pela imprensa, a respeito do divórcio, do imposto para os celibatários e do exame pré-nupcial - Notícia sobre o acordo comercial ítalo-russo, que mostra a intensidade das relações comerciais entre as duas potências.

12 de março - REX PACIFICUS

12 de março - Evangelho - O orgulho cega

12 de março - Grande estima de Pio XII pelo Brasil - Um ano que a Áustria, cabeça do antigo e Sacro Império Romano Alemão, sofre a maior perseguição religiosa da História: a invasão e o domínio nazista.

19 de março - PAZ DE CRISTO E TRÉGUA DE SATANÁS 

19 de março - E' preciso a todo o custo evitar o monopólio educativo do Estado, o maior e o mais insuportável dos abusos nessa matéria - Hitler, violando com toda indiferença e displicência o Tratado de Munique, conquistou a Tchecoslováquia. Ninguém ignora o regime de violência, de opressão brutal, da propaganda cínica e metódica da apostasia em que a Alemanha se encontra. Qual o católico digno desse nome que possa não lamentar que centenas de milhares de seus irmãos na Fé, residentes nos territórios ora conquistados, vão sofrer idêntica perseguição? - Que fazem os membros do governo húngaro, que fizeram tão belos discursos no Congresso Eucarístico de Budapeste? Que medidas tomam para evitar a invasão neopagã na Europa central? As palavras foram belas. E os atos? Onde estão?

26 de março - LIBERALISMO MIL VEZES CRIMINOSO. Recordando carta de Pio XI à Universidade Católica de Washington em que incita todos os católicos a que se dediquem ao estudo acurado e exato de todos os grandes problemas de caráter constitucional e social, à luz das determinações e instruções emanadas da Santa Sé. O Papa condenou assim, mais uma vez, de forma implícita, um gravíssimo erro de sabor liberal e modernista, que tem causado males incalculáveis e que grassa com singular intensidade. Qual o erro? Considerar que, se a ação da Igreja é legítima e até louvável no campo estritamente religioso, constitui uma exorbitância condenável em outros terrenos. Deste modo, com essas e outras frioleiras disseminadas pela perfídia e agasalhadas pela ingenuidade, os países católicos vão sendo gradualmente franqueados às grandes heresias políticas de nossa época.

26 de março - Um indício de que a luta entre as falsas direitas e as esquerdas não é senão um imenso “bluff” destinado a ocultar a ofensiva de umas e outras contra a Igreja - Cada novo país assaltado por Hitler e seus sequazes é imediatamente colocado debaixo da legislação pagã do nacional-socialismo. Anexação e paganização são termos que se equivalem. A Tchecoslováquia não podia deixar de seguir a regra - Artigo na revista inglesa "The Fortuightly" sobre as atividades dos governos fascista e nazista na América do Sul: os países que mais sofrem a propaganda são o Brasil e a Argentina - Continua a resistência de Madrid: esse sacrifício inútil de inúmeras vidas a uma causa perdida, reverte em grave crime para os comunistas animadores da resistência madrilenha.

2 de abril - "DIRETÓRIO PROTESTANTE NO BRASIL". E' este o título do livro de autoria do Pe. Agnelo Rossi, que constitui um conjunto esplêndido, que abrange sob todos os pontos de vista o protestantismo, de tal maneira que pode ser considerado como um apêndice inseparável da estupenda obra do Pe. Leonel Franca, SJ. Esta última é definitiva e insuperável no terreno doutrinário; a do Pe. Rossi, no terreno da ação concreta. Ambas indispensáveis - Se a cooperação dos católicos nos planos de Deus tem sido generosa e até exuberante em muitos campos, ela tem claudicado francamente no que diz respeito ao conhecimento das condições concretas do meio em que vivemos.

2 de abril - Santa Maria Egipcíaca (ou do Egito ou Egípcia), Penitente

2 de abril - Esmagamento final do comunismo na Espanha - O “Osservatore Romano” infligiu uma censura severa ao “La Croix” porque este tomou, em certa circunstância, a posição de um expectador indiferente face à situação do país vizinho. O órgão do Vaticano exprimiu claramente seu gáudio pela derrota final do comunismo na Espanha - Quais as verdadeiras intenções de Franco? Fiel à trajetória inicial da revolução, lutará ele contra o nazismo descristianizador, como lutou contra a descristianização comunista? - François Le Grix, na “Revue Hebdomadaire”, espanta-se com os testemunhos de catolicidade dos políticos franceses, quando da morte do Papa Pio XI. Este mesmo Pontífice desmascarou essa manobra, lembrando que o beijo hipócrita de Judas tem sido freqüentemente usado como arma de combate à Igreja.

9 de abril - O TRIUNFO DA ESPANHA CATÓLICA. O esmagamento do comunismo na Espanha pode significar a ressurreição de um país de inestimáveis glórias históricas que vinha sendo minado a fundo por todos os fatores de degenerescência que afetaram a Europa - Manda a verdade histórica que se acrescente que a luta não se conservou na pureza de sua fisionomia primeira. Ao lado dos heróicos requetés que marchavam em assalto contra as fileiras comunistas cantando hinos a Nossa Senhora, havia também as legiões anticristãs dos soldados de Hitler... Não é exato que o exército nacionalista tenha sido um exército de cruzados. E' certo, entretanto, que houve cruzados autênticos nesse exército, e que, sem esses cruzados, teria sido impossível a vitória - Devemos pedir ardentemente ao Senhor que coroe tantos sacrifícios, premeie tantos heroísmos, abençoe o sangue de tantos mártires, dando Cristo à Espanha e a Espanha a Cristo.

9 de abril - General Góes Monteiro foi designado pelo Presidente da República para, atendendo a convite da Alemanha, ir estudar os mais modernos processos bélicos naquele país - Deploramos que a Polícia do Distrito Federal tenha deixado publicar a caricatura irreverente que do Papa Pio XII fez uma revista daquela localidade - Assinalamos com o maior gáudio a vitória eleitoral obtida pelos católicos belgas nas recentes eleições. Isto se deve ao gesto de energia do Cardeal-Arcebispo de Malines condenando o rexismo. A humanidade dirá, futuramente, o quanto ficou a dever a esse grande Prelado, que dá assim um belíssimo exemplo de intrepidez apostólica - De uma recente Pastoral do Arcebispo de Friburg in Brisgau (Alemanha), publicada pelo “Osservatore Romano”: "Infelizmente, não se pode duvidar de que, em terras alemãs, Cristo é combatido de modo sempre crescente".

16 de abril - A PATAGÔNIA EM CHEQUE. O rumoroso escândalo verificado em torno da propaganda da Alemanha de Hitler na Argentina - Categórico na repressão de alguns abusos evidentes e escandalosos da propaganda nazista, Getúlio não levou, entretanto, seu sentido repressivo a ponto de se deixar monopolizar pela amizade norte-americana. A meu ver, se há um homem no Brasil com o qual o eixo Roma-Berlim possa contar para o desenvolvimento de uma política cordial, esse homem é o Sr. Getúlio Dorneles Vargas.

16 de abril - Um dos motivos do castigo pelo qual passa a França é a natalidade que ali decresce assustadoramente, enquanto que a Alemanha tira o seu poderio justamente da natalidade que aumenta ano por ano - O novo governo de Tabasco, no México, permitiu que se reabrissem as igrejas de sua província, dizendo que espera “combater o fanatismo religioso com a doutrina socialista”, sem perseguições... - "La Journée Industrielle" (da França): "Justamente no momento em que a pressão dos estados totalitários se acentua, a Internacional comunista prepara uma ação cujo único resultado é o enfraquecimento dos países livres” - O governo nazista confiscou todos os bens da família dos Habsburgs. Mais um ato tipicamente comunista, que comprova o caráter socialista do partido de Hitler, só não reconhecido por aqueles que querem tapar o sol com a peneira.

23 de abril - SELEÇÃO E FORMAÇÃO. Se o Brasil é um povo inteiramente católico no sentido numérico da palavra, é forçoso reconhecer que ele não é totalmente católico na sua vida política, econômica, intelectual, artística e social. Esta verificação serve para definir com irrecusável clareza o problema religioso do Brasil. A catolicização dos católicos é o primeiro e o maior de nossos problemas na ordem prática, e para a solução deste problema a Ação Católica tem um papel providencial a desempenhar - A rigorosa seleção e aprimorada formação de seus membros é hoje a primeira e mais premente tarefa da A.C. Enumeração sintética das razões que estribam este ponto de vista.

23 de abril - São Pedro Canísio S.J.

23 de abril - A vocação estupenda do povo espanhol: ser o paladino da Igreja contra todos os seus adversários - E' natural o que acontece com von Papen (traidor do Partido do Centro Alemão), pois os próprios beneficiados por uma traição sempre têm repugnância pelos traidores - As propaladas vantagens econômicas das relações com a Rússia não passam absolutamente de ilusões, e seu único fim é a propaganda política - A França recolheu, durante a revolução espanhola, grande número de refugiados governistas (comunistas) que foram concentrados em vários pontos de seu território. Depois de pouco tempo, a polícia francesa não tinha mãos a medir para evitar assaltos, roubos e um número imenso de atos criminosos praticados por seus acolhidos: a fábula do homem e da cobra.

30 de abril - Papa Pio XII envia benção especial ao LEGIONÁRIO. Afetuosas palavras do Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro Dom Sebastião Leme a esta folha

30 de abril - RUMO ‘A EXPANSÃO. O considerarmos a Ação Católica como um movimento de escol não significa que ele não deva tender a ser também um movimento de grande extensão e larga repercussão. A obra da Redenção não se fez para um pequeno número de aristocratas do espírito. Pelo contrário, o anelo de Nosso Senhor é que “todos fossem um”, isto é, que todos, sem distinção, todos os povos fossem beneficiados com os frutos do Santo Sacrifício da Cruz. Não há classe social, não há setor de opinião, não há grupo, corrente, facção ou partido para o qual não se deva voltar a solicitude evangélica. “Todos” devem ser evangelizados. E o apostolado católico - o da A.C. inclusive - deve ter necessariamente essa imensa extensão. E, no dia do Juízo Final, cada membro da A.C. será responsável pelo que, por preguiça, indolência ou mal compreendida intransigência, tiver deixado de aproveitar. Como se vê, a característica de um apostolado bem desenvolvido deve ser uma grande largueza de movimentos, e um imenso descortínio no encarar os problemas sugeridos pela atividade evangelizadora. Como chegar a tão almejado resultado?

30 de abril - Os acontecimentos diplomático-militares desenrolados na Europa de um ano para cá provaram à saciedade que a Rússia, inteiramente desprestigiada no campo da política internacional, não dispõe, para apoio de sua orientação diplomática, dos recursos militares de que se jactava sua falaciosa propaganda. Essa situação tão favorável para a civilização transformar-se-á? Diversos indícios fazem supor que sim. A marinha russa se enriqueceu agora com o cruzador mais veloz do mundo inteiro: o “Taschkent”, construído por ordem do governo fascista nos estaleiros de Livorno - Similitudes entre argumentação de um Juiz da cidade de Santos (SP) e a de Marx para destruir a família no mundo inteiro - Franco restituiu aos ex-soberanos espanhóis todos os bens pessoais do ex-rei Afonso XIII e de sua família, ao contrário do que fez Hitler com os Habsburgs.

7 de maio - COOPERAÇÃO E MISTIFICAÇÃO. Pio XI foi de uma intransigência que desconcertou mais de uma vez não apenas os adversários da Igreja, mas muitos católicos “modicae fidei”. Há, mesmo, a esse respeito, uma aparente contradição em seu Pontificado. Com efeito, Pio XI que foi o Papa da cooperação, foi talvez o Papa que maiores e mais importantes alianças rejeitou para a Igreja. A “Action Française”, o nazismo e a “politique de la main tendue” foram três exemplos claríssimos dessa orientação intransigente. Nestes três casos, deu-se uma tentativa de católicos mal formados de realizarem a seu modo a política de cooperação do Papa. Como se vê, o problema da cooperação é de uma dificuldade por vezes desconcertante, e, no entanto, cada um de nós esbarra com ele na experiência de seu apostolado quotidiano. Se uma formação profunda não tiver esclarecido e preparado os católicos, quantas e quais defecções estarão ainda à sua espreita pelas curvas sinuosas dos caminhos do mundo pagão?

7 de maio - O partido situacionista húngaro, com a aprovação do Regente Horty, votou leis racistas solenemente condenadas pelo Episcopado húngaro. Onde está agora aquela religiosidade dos políticos que tão espetacularmente se exibiram no Congresso Eucarístico? - Enquanto os jornais alemães cobrem Chamberlain de injúrias, o prefeito de uma pequena localidade da África do Sul recebeu uma advertência do governo daquela colônia inglesa por ter feito alusões ofensivas a Hitler; resposta do prefeito ao seu Chefe de Estado - O famoso comunista Negrin e a Passionária se refugiaram nos Estados Unidos, para onde levaram a soma considerável de seis milhões de dólares em ouro (pertencente à Espanha), que entregaram ao governo do México - Um panamericanismo pelo qual ninguém se interessa.

14 de maio - CARIDADE E TOLICE. Pio XI fez um apelo a todos os homens de todas as religiões ou países, a que se unissem para salvar a civilização contra o ateísmo comunista, conquanto tais religiões ou países estivessem no mais profundo antagonismo recíproco sob muitos pontos de vista. Ora, exatamente no momento em que a possibilidade dessa cooperação concreta e extra-doutrinária se apresentou de modo mais positivo, o Pontífice parece ter agido de modo diametralmente oposto aos seus próprios conselhos, rejeitando qualquer combinação ou coligação com essas forças. Como explicar essa conduta? - O nazismo: sua gênese, as manobras de Hitler e a ingenuidade de certos católicos.

14 de maio - Resolução do Conselho de Imigração e Colonização que eliminou qualquer exigência de limite numérico para a entrada de portugueses no Brasil - Rumores insistentes sobre uma aproximação teuto-russa. Fortes e vários indícios que vão nesta linha, seja no campo ideológico, político e religioso - Recordando alguns fatos da colaboração efetiva de "direitas" e esquerdas no cenário internacional - Hitler 
proibiu os funcionários públicos a freqüentarem os círculos aristocráticos por ser o espírito nazista avesso às diferenças de classe.

21 de maio - “ACTION FRANÇAISE”. O caso da “Action Française” tem estranhas analogias com o do nazismo. Estas analogias não são tão notáveis no terreno doutrinário. No que, sobretudo, elas se patenteiam é na política seguida por ambas para com a Igreja. Como o nazismo que, aliás nasceu muitíssimo mais tarde do que a “Action Française”, esta corrente monárquica apresentava dois aspectos. Um público, para efeito de propaganda. Outro esotérico, para uso quase exclusivo dos íntimos.

21 de maio - Objetivos da instituição da festa à Nossa Senhora Auxiliadora / Aos católicos, hoje tão perseguidos em tantos países, é prudente lembrar que se ainda há perseguidores vulgares como Napoleão, a Mãe de Deus também continua a ser a mesma dispensadora de graças.

21 de maio - O Interventor Federal Adhemar de Barros concedeu uma verba especial para a construção da Catedral de S. Paulo - Propagação de que o exame pré-nupcial obrigatório é condição indispensável da felicidade da família - O Cardeal-Arcebispo de Florença acaba de condenar uma obra póstuma de D'Annunzio, intitulada “Solus ad Solan” considerada ofensiva à moral e sobretudo à santidade do casamento - O “Legionário”, se vê com desprazer a aliança da Itália à Alemanha e ao Japão, inspira-se exclusivamente na convicção de que essa aliança constitui um meio de difusão do paganismo totalitário, e nunca por qualquer animosidade contra os povos daqueles três grandes e gloriosos países.

28 de maio - CONTRA A MAIN TENDUE. O “Sillon” desejava, no fundo, pregar com argumentos tirados do Evangelho (!) uma revolução muitíssimo parecida com a revolução socialista. Pio X interveio e destruiu as tentativas dessa manobra. Pio XI teve de lutar contra uma reedição do “Sillon”, que foi a "política da mão estendida": por que não estabelecer entre comunistas e católicos uma cooperação antinazista? Os católicos cederíamos o temporal mas lucraríamos o espiritual. Não seria bom o negócio? Mais uma vez, o grande Pontífice, que pregou a aproximação de todos os homens de bem, esmagou uma política que não era senão a caricatura do que ele pregara.

28 de maio - Maria Santíssima Medianeira

28 de maio - Por ocasião do Conclave que elegeu o Papa Pio XII, mostramos como o então Cardeal Pacelli julgou preferível adiar de um dia a eleição do novo Pontífice, a permitir a violação do preceito que manda “guardar os domingos e dias de festa”. Insistimos neste particular pois que o espetáculo de dias como o 18 p.p. em que, enquanto a Igreja comemorava a Ascensão do Senhor, tudo funcionou normalmente, é para nós insuportável - São irrepreensíveis e belíssimas as palavras com que o general Franco fez a oferta de sua espada a Deus, por ocasião das festas da vitória realizadas em Madrid - Na França, deputados socialistas e comunistas apresentam proposta de lei tendente a revogar as disposições legislativas que atingem as Congregações Religiosas. Seus partidos foram os mesmos que, no começo do século XX, mais se encarniçaram na luta anticlerical - A recente assinatura da aliança ítalo-germânica confirma semelhança de concepções do mundo por parte do nazismo e do fascismo, como se pode ler no texto do tratado entre ambos.

4 de junho - ADESITE. Se investigarmos com atenção as causas pelas quais numerosos católicos de cultura e discernimento se deixaram transviar quer pelo nazismo quer pela "política da mão estendida" para com o comunismo, a ponto de tocar às raias da apostasia, veremos que a identidade entre elas é a mais absoluta: adesões excessivamente precipitadas e ardorosas. Tais adesões, apresentadas embora como meios aptos a trazer as massas ao grêmio da Igreja, não tiveram outra conseqüência senão arrastar para fora do grêmio esses afoitos adesistas. Fracasso maior não seria, pois, possível - "Adesite": descrição do processo dessa crise espiritual - Hitler ou Stalin não acham a Igreja nem “moderada”, nem “criteriosa”, nem “esclarecida”. E, no entanto, no meio da babel do mundo moderno, Ela é o único refúgio do bom senso e da prudência que vem da ação da graça. Mas o nosso católico saudoso das cebolas do Egito não pensa assim. O mundo o aplaudiu? Então ele está conquistando o mundo para Deus. Nosso Senhor, entretanto, conquistou o Mundo mas foi crucificado pelos inimigos de Sua doutrina.

4 de junho - Santa Isabel, Rainha de Portugal: sucinta biografia, com os fatos (inclusive milagres) mais significativos de sua vida

4 de junho - Acaba de ser detido no Rio de Janeiro um livreiro americano, estabelecido naquela cidade e acusado de ter lesado firmas nacionais e estrangeiras e, fato mais importante apurado pela polícia, que mantinha relações estreitas com espiões nazistas que agiam na Argentina. Existirão espiões nazistas apenas neste país vizinho? - Elevados ao Episcopado dois sacerdotes africanos: enquanto nações de velha civilização cristã se paganizam e se enclausuram em estudos e anti-científicos preconceitos raciais, a Igreja afirma sempre a igualdade de todos os homens perante Deus - Certa imprensa tem procurado colocar os sacerdotes estrangeiros em situação desfavorável aos olhos do público. Se há abusos, por que não os denunciar devidamente documentados às autoridades eclesiásticas, em lugar de os transformar em pretexto para pasquinadas?

11 de junho - NACIONALISMO ÀS AVESSAS. O que pode ser, principalmente no Brasil, um nacionalismo anticatólico? Ninguém poderá deixar de reconhecer que tal nacionalismo seria uma macaqueação ridícula do nazismo. E que, sob pretexto de fazer propaganda antinazista e antitotalitária, tal nacionalismo arvoraria as doutrinas nazistas à altura de credo político oficial do Brasil. O século XIX fez do Brasil intelectual uma sucursal da Europa liberal. O século XX faria de nós escravos espirituais da Europa totalitária. E nada mais...

11 de junho - Notícias procedentes da Itália informam existir um contrabando de café da cidade do Vaticano para o território italiano. Mas para que um contrabando qualquer pesasse na economia italiana está claro que o suposto contrabandista não poderia receber café aos quilos pelos serviços de correio! Há evidentemente em tudo isso a procura de um pretexto por parte de elementos fascistas para um atrito com o Vaticano - Declarações do secretário da Educação do governo do Rio Grande do Sul sobre copiosa documentação relativa à "existência de uma perigosa organização de agentes imperialistas agindo em todo o Estado".

18 de junho - UM DOCUMENTO QUE TODOS CATÓLICOS DEVEM LER. A respeito de declarações do Episcopado argentino quanto às relações entre a Igreja e o Estado - Os erros geralmente existentes a tal propósito, quer consistam em estender, quer em reduzir exageradamente o papel da Igreja, são causados sempre pelo naturalismo. Ou seja uma negação, ao menos parcial, do sobrenatural. Essa negação implica em desvirtuar profundamente a noção do que seja a Igreja e de seu papel no mundo.

18 de junho - A realização de um imponente Congresso Eucarístico em Florianópolis é uma prova bem visível de quanto está progredindo o movimento católico naquele Estado. E o progresso do movimento católico não pode deixar de constituir uma preciosíssima garantia da integridade do território nacional em Santa Catarina.

25 de junho - AÇÃO CATÓLICA E POLÍTICA. Muitas vezes vemos pessoas pusilânimes externarem doutrinas naturalistas, segundo as quais o papel da Igreja consistiria em atuar apenas portas a dentro dos edifícios do culto. No entanto, este naturalismo de encomenda não é senão um pretexto cômodo para encobrir a covardia dos que o alegam - Os totalitaristas da pseudo-direita e os seus sósias da extrema esquerda pretendem reduzir a Igreja a mera função de organizadora de novenas - Opiniões intermediárias ante esses crassos erros.

25 de junho - Realizou-se na histórica Quinta da Boa Vista (RJ) soleníssima reunião de escoteiros com a presença do chefe da nação, o qual pronunciou uma alocução. As palavras de Getúlio Vargas são dignas do estudo mais atento, diligente, exato e minucioso por parte de todos os católicos que se interessam pela formação religiosa da mocidade e por questões educacionais em geral.


02 de julho - O CONCÍLIO - Ao iniciar-se o primeiro Concílio Plenário do Episcopado Brasileiro, Plinio Corrêa de Oliveira comenta a grandeza da missão espiritual do mesmo - "...não há problemas que se possam comparar em relevância e gravidade aos que se relacionam com a maior glória de Deus e salvação das almas" - bem como o "alcance temporal daquela grande assembléia", pois "...Todos os povos foram criados por Deus, e as qualidades nacionais não são senão dons naturais que Deus lhes fez. Ora a Igreja acrescenta aos dons naturais os dons sobrenaturais. A ação dos dons sobrenaturais não destrói os dons naturais, porque a graça não destrói a natureza. Pelo contrario, a graça eleva e aperfeiçoa a natureza".

02 de julho - Novamente o "Legionário" denuncia o caráter único do fascismo e nazismo, bem como seu aspecto ditatorial. A incoerência do tempo presente é mostrada em alguns aspectos da realidade, onde os feitos heróicos inspirados na fé são ignorados e postos no olvido.

09 de julho - LIBERALISMO DESLEAL - A falsa dicotomia entre liberalismo e socialismo, cuja polêmica impregnou o século XIX. Na realidade dois aspectos de uma mesma revolução, cuja propaganda exacerbada deixava sibilinamente de fora a única solução verdadeira: a Civilização Católica.

09 de julho -  Pio XII propõe ao Concílio Plenário do Episcopado Brasileiro reforço à obra das vocações, no sentido de aumentar as mesmas. Na Áustria, os nazistas assanham seu ímpeto persecutório à Igreja, realizando manifestações de rua para agredir ignobilmente o Cardeal Innitzer.

16 de julho - NO DESERTO DE HOMENS E IDÉIAS. A grandeza dos homens se mede pelo valor de suas obras. E, através deste padrão, a grandeza do episcopado brasileiro constitui certamente o mais legítimo florão de nossa História contemporânea. No silêncio, e às vezes no esquecimento geral, o Episcopado lutou, agiu, sofreu e, sobretudo, orou. No momento em que um balanço geral se impõe, vemos a messe que se apresenta carregada de espigas e de grãos.

16 de julho - Governo Federal convidou a um grande banquete os Padres Conciliares, reunidos no Rio de Janeiro: ocasião para uma oportuníssima proclamação de rumos e de diretrizes - Deploramos profundamente que tenha sido conferido pelo governo italiano o Colar da SS. Annunziata a Ribbentrop, insigne perseguidor dos católicos alemães - Revolução Francesa: breve análise - Comentários do ministro italiano Farinacci contra o Congresso Eucarístico de Nice. Não há motivo para que os católicos italianos amem mais os católicos espanhóis do que os franceses. Todos são filhos da mesma Mãe, a Igreja, e estão, portanto, integrados no Corpo Místico de Nosso Senhor Jesus Cristo.

16 de julho - Os cadetes católicos de West Point praticam intrepidamente sua Fé / Lá não se compreende que de um indiferente em assuntos religiosos e - mais ainda - de um ateu, possa surgir um militar cônscio e fiel às suas responsabilidades. West Point apresenta, ao lado da beleza e eficiência conhecidas, uma noção exata do valor da Religião. E neste fato está, indubitavelmente, o segredo de seu sucesso.

23 de julho - Discurso de Getúlio Vargas ao Episcopado: o Brasil é católico, ao Catolicismo deve as suas melhores tradições e nele procura hoje as suas melhores esperanças. 

23 de julho - Comentando... - Machado de Assis e a Igreja / Certo jornalista carioca pretendeu defender o grande estilista, cujo centenário ora se festeja, da pecha de indiferente, pior do que isso, da acusação de pensador que não ousa expor abertamente as suas ideias, mas que as disfarça numa escamoteação manhosa.

30 de julho - “ACTION FRANÇAISE”. Pio XII retirou do "Index" o órgão oficial daquela corrente monarquista: um exemplo eloqüente da benignidade e da prudência da Santa Sé.

30 de julho - A revisão do Código Civil Brasileiro e a questão dos direitos dos filhos de pais desquitados, nascidos posteriormente ao desquite. Devemos esperar que o anteprojeto apresentado ao Governo, como expressão da cultura jurídica de um país católico como o Brasil, empenhe os mais árduos esforços em não ferir, de leve que seja, os direitos supremos de Deus e da família - Pio XI afirmou na sua magistral Encíclica "Mortalium Animos" que o Cristianismo autêntico só existe na Igreja Católica - No México, fundação de um partido nazista... pelo “camarada” Melchior Ortega, ex-ministro de Calles, o Nero do século XX.

6 de agosto - DOM JOSÉ. Descrição do novo Arcebispo de São Paulo, D. José Gaspar de Affonseca e Silva.

6 de agosto - Resolução dos tribunais ingleses que revela um grave erro, mas que é o exagero de uma coisa boa em si: o respeito pela consciência religiosa - No Brasil, o que os sacerdotes desejam é simplesmente o direito de cooperar na defesa da pátria, dentro de seu sagrado ministério, expondo-se com insuperável risco de suas vidas sob a metralha e o canhão, mas sempre na qualidade de Ministros de Deus - Artigo publicado em quotidiano da capital paulista no qual se critica acerbamente o povo espanhol.

13 de agosto - A.P.F. (Fundação no RJ da Associação dos Pais de Família) - O problema do decadente ensino secundário no país. A certos olhos de uma inigualável miopia não acode a reflexão de que, no Brasil sobretudo, o primeiro passo para se encontrar a solução de um problema consiste em mostrar que o problema existe, em criar a propósito dele um geral descontentamento, a arregimentar um movimento sério, para dar finalmente a este movimento a bandeira de uma obra realmente construtora. Há homens que não sentem a gravidade da situação em que se encontram, qualquer construção parece difícil e até irrealizável, porque conservam a esperança de que as coisas se arranjarão por si.

13 de agosto - Recentes festas em Pirapora em louvor do Senhor Bom Jesus: a cidade apresentava um aspecto de alegria geral e ao mesmo tempo piedoso, pela afluência de elementos ordeiros e moralizados conquanto procedentes na sua maioria das classes mais modestas da população.

13 de agosto - A Hungria ameaçada de uma intensa nazificação

20 de agosto - JUVENTUDE BRASILEIRA. Elaborado decreto que instituirá no Brasil uma organização oficial da juventude destinada a, sob a orientação do Estado, promover a formação moral e cívica dos elementos a ela filiados. Todos os brasileiros que se encontrem dentro dos limites de idade estabelecidos pelo decreto serão considerados, automaticamente, membros da referida organização - O Estado só tem a lucrar com o reinado espiritual exercido pela Igreja sobre as almas. Já o disse de modo excelente o grande Santo Agostinho em sua obra "De moribus Ecclesiae". Haverá para o Estado interesse mais fundamental, mais imprescindível, mais sagrado do que se enriquecer com os inestimáveis benefícios que só da ação da Igreja lhe podem provir?

20 de agosto - Nazistas reduziram a pedaços vários Crucifixos / Uma víbora (o nazismo) procurando exterminar outra víbora (o comunismo). E qualquer que vença, constituirá um grave perigo para o rebanho de Cristo.

20 de agosto - Em São Paulo, na última festa da Assunção de Nossa Senhora, numerosas instituições e firmas comerciais não funcionaram, apesar de o dia 15 não ter sido feriado nem ponto facultativo - Na Alemanha, malgrado a Polícia hitlerista fiscalizar e embaraçar por todas as formas as mais importantes iniciativas beneficentes católicas, o “Exército da Salvação”, depois de um rigoroso exame feito pelas altas autoridades nazistas, obteve carta branca para trabalhar lá - Estabeleceu-se na Itália um acordo com a Alemanha no sentido de uma intensa propaganda recíproca, de um país no território do outro.

27 de agosto - ANTI-KOMINTERN ! O convívio pacífico dos povos civilizados exige o intransigente respeito de cada qual para com as instituições políticas e sociais adotadas por seu vizinho. O respeito à soberania dos vizinhos constitui a norma fundamental de toda a diplomacia honesta. Mas este direito tem limites - Alguns requisitos essenciais para uma reação ser autenticamente anticomunista, ou seja anti-totalitária - Conseqüências do pacto de não agressão teuto-russo, que o “Legionário” previu com tanta clareza - Chegou a "hora H" para Franco - A perspectiva de uma fusão da Alemanha nazista com a Rússia comunista.

27 de agosto - OS RECENTES ACONTECIMENTOS PROPORCIONARAM UMA CONFIRMAÇÃO SENSACIONAL ÀS PREVISÕES DESTA FOLHA. [No dia 23 de agosto é assinado o famoso pacto Molotov-Ribbentrop, entre a Rússia soviética e a Alemanha nazista] Toda a orientação política do "Legionário" girou sempre em torno da convicção central e fundamental de que entre o nazismo e o comunismo a aparente oposição se resolvia, em última análise, em uma mal disfarçada solidariedade. Para provar a seus leitores quanta razão lhe assistia, publicamos aqui uma resenha de todas as notícias e comentários que fez no ano corrente, prevendo o monstruoso conúbio que o mundo inteiro contemplou boquiaberto e estarrecido. Não nos move um pensamento de vanglória, mas um desejo de encaminhar para o conhecimento da verdade objetiva o maior número possível de leitores. Ao mesmo tempo, temos uma palavra de homenagem comovida e de saudades ao grande Pio XI, cuja política em relação a direitas e esquerdas recebe agora uma franca comprovação. Nosso pensamento se volta também com indizível afeto e respeito ao Santo Padre Pio XII, Pai da Cristandade e continuador da grande obra política de Pio XI.

1939-08-27 - "Comentando..." - Café, policultura e igualitarismo socialista

27 de agosto - O dever da prece que incumbe gravemente no momento presente: apelo de Pio XII no sentido de provocar uma verdadeira cruzada de orações em prol da paz. Do que valerá a oração? Atrás de nós estão vinte séculos de História da Igreja a atestar, como resposta insofismável, a fidelidade de Deus à sua dupla promessa: de jamais consentir na destruição da Igreja e de atender sempre a oração confiante e humilde dos fiéis.

3 de setembro - PELA IGREJA E PELO BRASIL. As notícias ainda são confusas e a única coisa que se sabe de positivo é a invasão do território polaco por tropas alemãs. A minha primeira interrogação é esta: o que fará a Itália? Católica, e profundamente católica, a Itália além disto é latina, e profundamente latina. Mais ainda: por uma coincidência, é ela ao mesmo tempo a própria sede da Cristandade e da latinidade. A perdurar o conúbio Berlim-Moscou, o que poderá haver de mais anticatólico e de mais antilatino do que esta associação de potências? Descrição do povo italiano - Que atitude tomará o “Legionário”? Muitos “despistamentos” teuto-russos podem aparecer para encobrir a solidariedade entre os dois regimes. Estamos na hora das trevas e das confusões. Todas as nossas simpatias e antipatias serão orientadas exclusivamente segundo o tratamento dispensado pelos beligerantes à Santa Sé - Por mais que o “Legionário” seja anticomunista, não será anti-russo. E por mais que seja antinazista, não será anti-alemão.

3 de setembro - Tribunal de Segurança Nacional condenou como elemento subversivo à ordem pública no Brasil um jornalista peruano que fazia entre nós a propaganda do “aprismo” (doutrina cópia fiel do nazismo e por outros aspectos muito chegada ao comunismo) - Na Rússia, importante passo foi dado no sentido de uma socialização cada vez mais completa da propriedade agrícola - Hitler restituiu à liberdade o “camarada” Ernesto Thaelmann, um chefe comunista conhecidíssimo na Alemanha. Enquanto o “líder” comunista é solto, von Schuschnigg continua na cadeia.

10 de setembro - REFLEXÕES À MARGEM DA GUERRA TEUTO-POLACA. O “Legionário” ama com igual afeto todos os povos do mundo. Entretanto, este amor ao próximo tem que ter como fonte e como medida o amor a Deus. Por isto, as nações católicas, unidas a nós pelo vínculo incomparavelmente vigoroso e doce da Fé, merecem de nós um afeto particularmente ardoroso. E o que nos povos católicos mais amamos não é e não pode ser a sua grandeza temporal, o valor de sua cultura ou o esplendor político e militar de suas tradições, mas a adesão que elas prestam ao ensinamento da Igreja. Jornal católico, o “Legionário” se recusa obstinadamente a se envolver em conflitos meramente políticos e temporais, quer entre os povos quer entre os partidos. Desde que, entretanto, os interesses da Igreja sejam afetados por tais conflitos, tomaremos atitude firme e desassombrada - Denunciamos o brutal bombardeio do Santuário de Nossa Senhora de Chestocowa como um triste prelúdio da perseguição religiosa que grassará na Polônia se não for vencedora - O comunismo e o nazismo nada tem de antagônico entre si. Uma só coisa lhes interessa: é destruir a Igreja.

10 de setembro - CIVITAS SANCTA. A Carta Pastoral do Arcebispo de São Paulo não é senão um formoso comentário do lema que inscreveu em seu brasão de armas: “ut omnes unum sint”. Se a bondade brasileira, privada do amparo de uma instrução religiosa real e metódica, descamba com freqüência demasiada para o indiferentismo, para o liberalismo, para a acomodação com todos os erros e todas as opiniões, ela pode encontrar na Pastoral o corretivo deste deplorável defeito, que é, de todos, o que mais caro tem custado à Pátria.

10 de setembro - Coluna "Comentando..." - Adultério e cebolas

10 de setembro - O Brasil só será grande se seus filhos souberem seguir os exemplos que Caxias nos legou não apenas no campo de batalha, mas aos pés dos altares com as mãos postas em prece. Em qualquer país em que existam cidadãos católicos estes ou serão os melhores cidadãos, ou serão católicos muito medíocres. Quem no mundo pagão, entre tantos generais, tantos guerreiros corpulentos e tantos estadistas encanecidos no trabalho excedeu em patriotismo à Santa Joana d'Arc, duplamente frágil pelo sexo e pela idade? - Mantemos a esperança de que o Governo brasileiro não procurará, a exemplo do que se fez na Itália e na Alemanha, roubar a mocidade ao regaço da Igreja e às fainas do apostolado.

10 de setembro - No campo de concentração de Dachau - Os pilares do regime nazista / Os regimes totalitários são assim. Impõem-se pelo terror e pela ameaça. A sua consideração está na força e na brutalidade. Em Dachau, são encerrados os inimigos do Estado (lembre-se que inimigos para eles são todos os que procuram manter uma opinião própria), judeus, não arianos e criminosos vulgares. Encerrados aí, estes prisioneiros sofrem os mais inconcebíveis tratamentos e são considerados como verdadeiros animais.

17 de setembro - QUIS UT DEUS ? Descrição do 1° Arcebispo de São Paulo e de seu sucessor. Quanto àquele (Dom Duarte de Leopoldo e Silva): "Pobre durante toda a sua vida, seus dedos nunca se abriram para encher os bolsos dos que sabem fabricar popularidades de encomenda e aliciar os aplausos de turbas venais. Austero, seu procedimento invariavelmente sóbrio e digno não atraía as simpatias daqueles que só sabem louvar a virtude quando esta se desfigura com as tintas de uma oprobriosa condescendência para com o mal. Pastor inflexível, seu báculo nunca se limitou a apontar às suas ovelhas o caminho dos deveres suaves, e nunca poupou rijos golpes ao lobo sorrateiro e invasor."

17 de setembro - CONFUSÃO. Tanto na Inglaterra quanto na França poderosas forças político-financeiro, altamente simpáticas ao nazismo e gozando da máxima influência sobre os círculos governamentais, paralisavam toda a reação franco-britânica de sentido antinazista - Os noticiários não raramente têm diversos significados subjacentes, que só um exame atento pode trazer a lume. O sentido patente é para o público comum. O segundo sentido é para os iniciados ou para os indiscretos que, à força de paciência e de inexorável objetivismo, tiverem conseguido descobrir os mistérios dos subentendidos jornalísticos - E' possível que Hitler e Stalin brinquem novamente de inimigos. E é possível que a íntima solidariedade teuto-italiana também seja provisoriamente encoberta, aproximando-se a Itália das potências democráticas.

17 de setembro - A possibilidade de uma proposta de paz apoiada pelo Vaticano é a única esperança que continua a luzir para os espíritos retos. A Santa Sé só quer uma “paz que seja fruto da justiça”. E nunca uma paz que signifique a deglutição impune da Polônia católica pelo nazismo herético e a capitulação do mundo inteiro, trêmulo e embasbacado, ante a dupla Moscou-Berlim.

24 de setembro - OS DISCURSOS DOS CAMPOS ELYSEOS. Palavras de Dom José Gaspar de Affonseca e Silva no banquete de homenagem que o Governo do Estado ofereceu-lhe e ao Episcopado Paulista. O pensamento central do discurso é a doutrina tradicional da Igreja sobre a distinção e a colaboração entre os Poderes Espiritual e Temporal - Exposição de tal doutrina, conforme o ensinamento pontifício - O direito de ser franco, de dizer a todos os homens, em nome de Deus, toda a verdade, a Igreja sempre o exerceu e sempre o exercerá, ainda mesmo que o martírio seja sua conseqüência.

24 de setembro - A entrada de tropas soviéticas e nazistas na Polônia marcou para aquele país o início de uma atroz perseguição religiosa - Atitude do OSSERVATORE ROMANO perante esta violência dos dois totalitarismos contra aquela nação: o aspecto ideológico vai assumindo uma importância cada vez mais acentuada, constituindo um verdadeiro assalto do naturalismo pagão nazista e soviético ao mundo civilizado - Artigo do Arcebispo de Paris com semelhante comentário - Posição do Episcopado germânico face ao conflito: parece cada vez mais claro que quem está em guerra não é a Alemanha, mas o nazismo - Hitler fecha igrejas católicas, mas não toma medidas análogas quanto a outras religiões... o que não lhe impede de mencionar o nome de "Deus" em seus discursos - Lamentamos profundamente que o Consulado francês no México esteja aceitando recrutas comunistas daquele País.

24 de setembro - As tradições religiosas na Polônia / A embaixada daquela nação agradece ao LEGIONÁRIO pela atitude assumida por esta folha contra a invasão totalitária nazista e comunista em solo polonês

1° de outubro - A POSIÇÃO DO VATICANO (face ao conflito que se inicia) - Santo Agostinho e o pior dos males da guerra: a ofensa que Deus recebe com ela - No mesmo sentido da Santa Sé se desenvolve a atitude tradicional da diplomacia brasileira, que sempre evitou de se imiscuir em guerras de uma liceidade ou iliceidade duvidosa, desde que nenhuma relação tais guerras tivessem com os interesses do País ou da civilização - Uma paz que não fosse fruto da justiça não seria a paz do Papa.

1° de outubro - São Francisco de Assis: foi doce, a ponto das aves não o temerem, mas para conseguir essa doçura, ele gastou por meio das flagelações todas as arestas de seu temperamento. Não queiramos ser doces como ele, se não quisermos adotar os mesmos métodos.

1° de outubro - FREUD – Sua doutrina, seus erros

1° de outubro - A visita coletiva da oficialidade da 2ª Região Militar ao Arcebispo de São Paulo constitui um acontecimento talvez inédito nos anais do Brasil republicano e merece um tal destaque que não podemos deixar de lhe dar o devido relevo - Movimento que se esboça na França pelo fechamento do Partido Comunista, sob a alegação de que este, dado o pacto teuto-russo, é inteiramente simpático à Alemanha nazista e trabalha contra os interesses da própria França.

1° de outubro - Origem e eficácia da devoção do Santo Rosário / Para o católico não é questão de preferência, pendor ou simpatia, muito menos de sentimentalismo, ser devoto de Maria. É questão de vida ou de morte, pois que se trata de querer ou não eficazmente a salvação eterna. Se é verdade que o único mediador necessário entre o Céu e a terra é Nosso Senhor Jesus Cristo, é também certo que nenhuma graça se comunica ao homem sem a intercessão da Virgem Santíssima Mãe de Deus, pois que assim aprouve à Providência Divina dispor a ordem sobrenatural.

8 de outubro - Discurso de Hitler no Reischtag. Ninguém se pode esquecer das condenações retumbantes com que o chanceler alemão e a imprensa nazista fulminavam as relações diplomáticas mantidas pela França e pela Inglaterra com a Rússia soviética. Entretanto, os interesses da propaganda política sopram agora por outros quadrantes. E por isto Hitler ostenta escancaradamente suas ligações com Moscou. E o anticomunismo? Onde ficou ele? - Não podemos nos desinteressar dos destinos espirituais da Polônia que arrancaram recentemente ao Santo Padre tão amargas lágrimas.

15 de outubro - São Pedro de Alcântara (festa 18 de outubro): declarado pela Santa Sé, juntamente com Nossa Senhora Aparecida, padroeiro especial do Brasil

15 de outubro - O LEGIONÁRIO, ARAUTO DO AMOR AO PRÓXIMO - Se bem que a pregação do amor do próximo se note em todas as colunas de nosso jornal, do que nos valeria diante do tribunal eterno manter o espírito público na grande ilusão em que ele se encontra a este respeito, apresentando-lhe a Caridade não como ela deve ser, mas como nosso século egoístico e materialista a vê? Desde que procuremos dissipar tais ilusões, entretanto inelutavelmente os aplausos cessarão em torno de nós, murcharão as flores com que nos presenteassem por nossa tibieza, os espinhos formarão um tapete sob nossos pés e encherão de dor os nossos caminhos - Jamais alguém sofreu perseguição por causa da Igreja sem que o “Legionário” estivesse inteiramente ao seu lado, sentindo suas dores como se ele próprio as recebera, e defendendo seus direitos como se fossem os dos próprios católicos brasileiros. O exemplo do martírio dos católicos na Rússia.

15 de outubro - O verdadeiro conflito / Hillaire Belloc demonstra que todas as controvérsias desta agitada época se reduzem, no fundo, a uma só: o conflito entre a Igreja Católica e seus inimigos. O que construiu nossa civilização foi a Fé e à medida que perdemos esta força criadora, desmoronar-se-á mais e mais nossa civilização. Se se perder totalmente essa força, toda nossa civilização perder-se-á com ela: avançamos rumo ao caos. - O trágico perigo de nosso tempo está nos falsos remédios, derivados de extremismos, que se propõem a curar o padecimento mortal que nos aflige. Quem está em conflito com a Fé exclama: “Acabemos com o matrimonio por meio de um sistema de divórcios fáceis e desaparecerão os males provenientes do matrimonio”. E assim será certamente, mas outros males, muito piores, absolutamente desumanos, aparecerão em lugar do matrimonio abolido, porque estará destruída a unidade da vida social e em breve a própria sociedade estará aniquilada.

15 de outubro - Alastramento da ofensiva soviética no mar Báltico: 1) violação de todas as regras do Direito Internacional por um Estado poderoso como a URSS; 2) ruína desses países organizados, que vão agora ser esmagados pelo tacão da bota russa e intensamente bolchevizados - Solidariedade da imprensa soviética às propostas de paz feitas por Hitler - A Itália fascista e a Espanha nacionalista tomaram atitudes semelhantes à dos sovietes - A mesma linha de conduta assumida pela Rússia foi seguida por várias outras correntes políticas: na Bélgica, o chefe fascista Leon Degrelle lançou um manifesto a favor da paz. Na Inglaterra, o partido fascista de sir Oswald Mosley faz propaganda da paz. Assim, em outros países as “direitas” tem o mesmo ponto de vista. Na França, as manobras dos comunistas franceses a favor da paz secundaram de tal modo as dos fascistas ingleses e belgas, que o Governo francês se viu forçado a iniciar uma enérgica atividade anticomunista - O Cardeal Arcebispo de Paris, fiel ao pensamento enunciado pelo Santo Padre em sua recente alocução aos polacos, tomou francamente posição em prol da restauração da Polônia.

22 de outubro - UMA PASTORAL NOTÁVEL (do Bispo de Bragança) sobre a “Defesa da Família”. Conquanto mil e mil vezes repetida e reafirmada no decurso dos vinte séculos de vida da Igreja, a doutrina católica apresenta sempre, para os que são capazes de a examinar com a devida pureza de intenções e com o auxílio da graça, tesouros novos, que saciam exuberantemente as almas realmente famintas e sedentas de justiça - Este documento reflete o perfil moral de seu autor, apresentando um aspecto positivo, prático, incontestavelmente combativo, amoroso da doutrina católica e com largueza de visão de conjunto - O plano concebido para destruir a família não tem poupado a mulher.

22 de outubro - Um dos fatos mais animadores da vida do “Legionário” é a indefectível fidelidade com que ele tem sabido interpretar o pensamento da Santa Sé, até mesmo em questões susceptíveis, por sua complexidade quase inexaurível, de suscitar uma grande variedades de opiniões. Mais uma vez, o fato acaba de se dar com a guerra européia: o discurso de Pio XII ao embaixador da Lituânia - "L'Osservatore Romano" censurou vivamente os que acusavam o Santo Padre de se ter conservado indiferente à bolchevização e paganização da Polônia - No Brasil, volta à baila a questão do exame pré-nupcial.

22 de outubro - Missa dialogada / É frequente nos pedirem nossos leitores explicações acerca do modo de assistir à Santa Missa vulgarmente chamada “Missa Dialogada”. Melhor não os poderíamos atender do que transcrevendo o que a respeito traz o Professor de Liturgia no Seminário Central de São Leopoldo (Rio Grande do Sul), Pe. João Baptista Reus, da Companhia de Jesus, no seu “Curso de Liturgia”.

29 de outubro - CRISTO REI ! Os bons pensamentos tem isto de característico que, quando aproveitados, servem-no de remédio tanto a nós mesmos quanto ao próximo. Quando, porém, nós os rejeitamos em nossa vida interior, ou os calamos em nossas relações com o próximo, eles se transformam, segundo São Paulo, em carvões ardentes, que nos causticam e calcinam a alma. Ai dos que receberam e, por egoísmo ou covardia, não atenderam aos bons conselhos! Ai também dos que, por covardia ou egoísmo, calaram os bons conselhos que eles poderiam ter dado! Estes conselhos salutares, que eles não externaram, queima-los-ão a eles próprios pelo interior, como brasas ardentes. E no dia do juízo serão levados à conta de talentos inaproveitados. Aí vão minhas reflexões, portanto, sobre esta festa.

29 de outubro - No Brasil, torpedeadas pela base as instituições familiares: projetos de lei que tendem a equiparar a família legítima com a ilegítima - O conflito existente entre a Alemanha e a Santa Sé teria se agravado por motivo da atitude simpática à Polônia, assumida recentemente pelo Vaticano - A Itália, cujo governo se erigiu, em tempos passados, inimigo irreconciliável de toda e qualquer expansão comunista, depois de ter fornecido em larga escala à marinha de guerra da Rússia, enviou recentemente três navios para o governo comunista do México - A orientação seguida por Chamberlain continua a provocar, na Inglaterra, sérias apreensões - Neville Henderson, ex-embaixador inglês no Reich, publicou um livro sobre os motivos da guerra: "O Sr. Hitler é, por si próprio, de índole artística e não política, pois liquidada a questão da Polônia, pretende acabar seus dias como artista e não como fazedor de guerra"...

29 de outubro - O LEGIONÁRIO na Espanha / De uma importante Federação Mariana espanhola, elogiosas apreciações àquele periódico

5 de novembro - MAIS UM ANIVERSARIO (do falecimento de Jackson de Figueiredo). A grande virtude de Jackson foi exatamente de ter sido no Brasil, estagnado e de mentalidade amorfa de seu tempo, a negação viva e palpitante do indiferentismo. Sua lógica não é apenas verdadeira, mas viva e quente - Bossuet disse: “Ai dos conhecimentos que não se transformam em ação e em amor” - Jackson tinha horror ao apostolado cômodo, ou melhor, ao apostolado comodista, pois que só para os 
comodistas o apostolado pode ser cômodo.


5 de novembro - O romantismo liberal do século passado, ainda muito vivaz entre nós: quando se verifica um crime, a primeira lembrança de compaixão não se dirige para as vítimas, mas para o criminoso. Há nisto uma dupla injustiça - Com exceção de Thaelmann, todos os comunistas alemães que se achavam recolhidos aos cárceres do “Reich” foram postos em liberdade - A fundação de Escola de Educação Física e exibições esportivas: ninguém ignora a proteção benevolente e calorosa que a Santa Igreja sempre dispensou às iniciativas destinadas a proteger a saúde e o desenvolvimento físico dos povos. Deus, autor da natureza humana como da Religião, não cairia em contradição consigo mesmo formulando mandamentos incompatíveis com as verdadeiras necessidades do homem.

12 de novembro - O GRANDE DOM DUARTE. Grande parte da desgraça contemporânea vem do desgoverno da afetividade: se tantos e tantos daqueles a quem nas universidades, nas oficinas, nas casernas, nos clubes, nos lares, e por toda a parte, incumbe reprimir severamente o mal, não tivessem capitulado diante dele por pena dos delinqüentes, não é exato que o mundo hoje seria outro e muito outro? Ah! Os pecados daqueles que auxiliaram o mal por não terem sabido como, e em que termos, se deve ser efetivamente bom! Dom Duarte foi uma pessoa que soube cultivar, na sua vida interior, a virtude da bondade sem jamais perder de vista a noção do pecado original.

12 de novembro - As mesmas causas produzem sempre, e por toda parte, os mesmos efeitos. O comunismo está reeditando na Polônia as tristíssimas cenas que produziu na Espanha: os sovietes bombardearam a igreja dos jesuítas em Pinsk, aprisionando muitos religiosos e deportando outros. Consta que vários foram fuzilados. Desmentido aos ingênuos que julgavam que a Rússia se "desbolchevizaria" com o pacto de não agressão entre os governos soviético e nazista.

12 de novembro - "Comentando..." - O velho tema / O divórcio é hipocrisia de quem não tem coragem de encarar de frente o que pensa na realidade.

19 de novembro - AS NOVAS NOMEAÇÕES dos que integrarão o Cabido da Arquidiocese de São Paulo. Descrição dos diversos Cônegos indicados.

19 de novembro - A organização mais sistemática do apostolado entre os japoneses mereceu a atenção especial do Arcebispo Metropolitano - Multiplicação das paróquias na Arquidiocese paulopolitana: índice seguro do extraordinário movimento religioso de São Paulo - O Presidente da República do Brasil institui a Comissão Nacional de Proteção à Família - O Embaixador dos sovietes nos Estados Unidos foi denunciado, por vários sindicatos operários daquela República, como perigoso agente de propaganda moscovita.

26 de novembro - DE GRIGNION DE MONTFORT. E' raro encontrar um livro que de modo mais patente tenha o predicado de esclarecer a inteligência e de estimular a sensibilidade do que o seu "Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem". Nele não há uma só frase inútil ou sem sentido. Entretanto, não se julgue que sua obra seja uma fria exposição de princípios. Em cada ponta de frase, o autor deixou gotejantes o suor de sua inteligência e o sangue de seu coração. Sua argumentação, se é lúcida, está longe de ser fleumática. Pelo contrário, é apaixonada, ardente, comunicativa. Lê-lo é facilitar poderosamente o progresso na vida espiritual. Difundi-lo é acumular coroas de méritos no Reino dos Céus.

26 de novembro - Edital da Cúria Metropolitana a propósito da “Semana Operária” em São Paulo: a importância da formação - As maiores organizações se esfarelariam e desapareceriam em pouco tempo se não tivessem por base a formação. Ou, o que é pior, se transformariam em instrumentos de guerra mais ou menos surda à Igreja.

3 de dezembro - A REUNIÃO DO EPISCOPADO PAULISTA. Pe. Garrigou Lagrange: o cume da sabedoria pertence não àqueles que têm a mania de se embrenhar em digressões transcendentais, mas aos que possuem com clareza e segurança os princípios fundamentais - Fui e sempre continuarei a ser entusiasta de um apostolado metódico, inteligente e raciocinado; e por isto mesmo infenso às iniciativas que brotam de movimentos sentimentais de fervor, sem base na realidade, prescindindo da consideração objetiva das circunstâncias e da escolha inteligente dos métodos de trabalho - A verdadeira união só existe na Verdade. Unir os espíritos é uni-los na Verdade. Porque uni-los no erro é fazer obra de cego que conduz outros cegos ao abismo. E procurar estabelecer essa união na zona fronteiriça entre a Verdade e o erro é procurar confraternizar sobre um abismo.

3 de dezembro - Desenvolve-se um grande esforço em prol da implantação do divórcio a vínculo no Brasil: introduzida na família a insuportável desordem do amor livre, que o divórcio necessariamente traz consigo, estará desorganizada toda a sociedade. E viria acarretar os mais graves inconvenientes para a vida moral e religiosa do povo - Fazemos inteira e irrestritamente nosso o protesto do “Osservatore Romano” contra a invasão da Finlândia pelos soviéticos: quantos católicos estão realmente “sentindo” o Corpo Místico de Cristo vibrar de indignação dentro deles? Quantos serão capazes de dizer que sentem o mal feito à Polônia ou à Finlândia, como se fora feito contra os próprios católicos brasileiros?

10 de dezembro - GRIGNION DE MONTFORT (II). O "Tratado da Verdadeira Devoção" não é senão a exposição de duas grandes verdades ensinadas pela Igreja, das quais o autor extrai todas as conseqüências necessárias, e cuja luz ilumina toda a vida espiritual. Estas verdades são a maternidade espiritual de Nossa Senhora em relação ao gênero humano e a mediação universal de Maria Santíssima. Algumas das consequências depreendidas de sua leitura.

10 de dezembro - Ingenuidade e Hitler - Pio XII recebe convite para fazer parte de uma frente mundial anticomunista, proposta pela Inglaterra - A praga do século XIX foram os “católicos anti-clericais”, que se diziam católicos se bem que inimigos do Clero, e que se serviam desta suposta catolicidade para melhor ferir a Igreja. A praga de nossos dias são os clericais anti-católicos, que se dizem neutros ou que realmente são tíbios em matéria de Religião, “mas são muito clericais”.

17 de dezembro - PRO MARIA FIANT MAXIMA. Anúncio, em primeira mão, do projeto da construção de um imponente santuário em Aparecida. Aos dignitários da Igreja, que têm diante de si os séculos, não pode atormentar a febre das inaugurações imediatas. Os maiores monumentos religiosos do mundo inteiro foram obra de gerações e gerações consecutivas. Nenhuma delas plantou para ter o gosto de colher os frutos neste mundo. Os frutos se colhem no Céu, para todos os semeadores da boa semente. O que é essencial é que as obras realizadas na terra não tragam a marca de precariedade e de exigüidade das coisas feitas exclusivamente para os homens, se elas se destinam ao culto de Deus.

17 de dezembro - São Tomé, Apóstolo - São Gregório Magno: "A incredulidade de Tomé foi para nós de vantagem maior que a fé dos demais Apóstolos"

17 de dezembro - Mais outra flagrante contradição do nazismo: a questão religiosa na Boêmia e Morávia - Começa-se a cogitar do reconhecimento do casamento religioso no Brasil - Hoje em dia se poderia dizer: ai dos inertes, ai dos que se comprazem a recriminar amargamente leis... feitas e a chorar sobre fatos consumados. Por que não procuraram eles diligentemente agir em tempo oportuno? Por que não preferiram ser colaboradores enérgicos e eficazes, a oposicionistas inconsoláveis em razão de males que talvez pudessem ter sido evitados?

24 de dezembro - A VISITA DOS REIS DA ITÁLIA (ao Papa Pio XII). Na política italiana, uma forte divisão se pronunciou ultimamente quanto à orientação a ser seguida por aquele país diante da atual conflagração. Descrição da influência da Espanha no panorama europeu - O Papa mostrou seu desejo de que a Itália se constitua campeã de uma paz honrosa, a qual tem dois inimigos: os que querem a guerra, e os que fazem propostas de paz desonrosas.

24 de dezembro - Diplomandas do Colégio Santa Inês comemoraram sua formatura com um retiro espiritual - Comunistas organizam para Stalin um “ramalhete espiritual” original a fim de comemorar seu aniversário: uma ofensiva tremenda contra a pequena e infeliz Finlândia! Ou seja, um "ramalhete espiritual" escrito com o sangue de Abel - Resolução da Santa Sé, autorizando os chineses a comparecerem a cerimônias de culto pagão, desde que tivessem caráter cívico. Idêntica autorização existe quanto ao Japão e já é antiga. Convém acentuar que semelhante liberdade não podem tomar os católicos em relação a outras religiões, a não ser nos casos e com as autorizações eclesiásticas previstas pela Igreja.

31 de dezembro - A GUERRA MAIS ENIGMÁTICA DE NOSSO SÉCULO. Daladier declarou que aproveitará o inverno para construir uma nova Maginot atrás da atual... se não houver a ofensiva. O que significa que a França, durante todo o inverno, não tomará a ofensiva... E significa o reconhecimento oficial da vulnerabilidade da Maginot, sem o que não seria necessário construir outra atrás dela - Em 1913, 47,5% da importação russa provinha da Alemanha. Em 1929, sob o governo do grande estadista católico Bruening, a exportação da Alemanha para a Rússia caiu para 22,5%. Subindo Hitler ao poder, registrou-se um aumento para 42,5% - A única réstia de luz ainda é a perspectiva de um triunfo diplomático do Vaticano que restabeleça na Europa aquela paz justa e honrosa que só à sombra da Igreja se poderá converter em realidade. A não prevalecer tal possibilidade, teremos uma paz sem justiça e sem honra, ou um estado de pseudo-guerra. E, acobertado por essa situação, a violência campeando infrene em países inocentes como a Finlândia, enquanto uma modorra inglória anestesia a opinião geral, disposta a dormir tranqüila sob a égide de um guarda-chuva.

31 de Dezembro de 1939 - Madre Francisca de Jesus, UMA GRANDE MÍSTICA BRASILEIRA

31 de dezembro - Em tudo o que emana do Vaticano, as frases são como organismos em que cada palavra tem uma razão de ser própria, e profundamente meditada. E' à luz deste princípio de hermenêutica que se deve analisar o texto dos “itens” de paz apresentados pelo Papa Pio XII: "garantia e independência de todas as nações"; “revisão dos tratados atuais, de forma a fazerem face às exigências e às justas necessidades dos povos e das minorias”; “criação de uma instituição jurídica incumbida de velar pela aplicação leal e legal do acordo internacional e que garanta que o tratado de paz não será interpretado arbitrária e unilateralmente”; “obrigação, para os governos, de manterem o senso de suas responsabilidades”.